Sorry for interrupting, this website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Learn more
Accept and close

Description

Description

“A categoria de refrigerantes no Brasil alcançou crescimento significativo nos últimos anos. No entanto apresentam-se desafios para os próximos anos que só serão revertidos por meio de inovação e reposicionamento.

Aumentar a frequência de consumo torna-se essencial, assim como a inovação em embalagens e sabores devem impulsionar a categoria. Com o mercado cada vez mais concentrado, a sobrevivência dos produtores regionais só se fará por meio de uma abordagem regional única de produto e coletivamente compartilhada em termos de distribuição.

Para romper barreiras de custos nas classes da base da pirâmide, o relacionamento de longo prazo deve direcionar os esforços dos fabricantes, principalmente através dos grandes eventos esportivos, mídia digital e compromisso sócio-ambiental.

As pressões do governo e sociedade em torno da saudabilidade deverão aumentar e refrigerantes com características mais naturais deverão pautar os lançamentos a médio prazo. Já no curto prazo, a corrida pela conquista do consumidor emergente do Norte e Nordeste deverá direcionar grande montante dos recursos financeiros dos grandes players.”

– Marangoni, Lucas Xavier – Analista Sênior do Setor de Alimentação

Algumas das questões abordadas neste relatório incluem:

  • Quais são as principais iniciativas para aumentar a frequência de consumo em uma categoria madura?
  • Como responder as necessidades de um consumidor (cada vez mais consciente de saudabilidade) em uma categoria que é impactada pela quantidade de açúcar existente no produto e muitas vezes relacionada com o aumento dos índices de obesidade?
  • Como romper as barreiras de preço aos consumidores da base da pirâmide em um cenário de aumento de custo das matérias primas?
  • Como os fabricantes regionais podem garantir sua sobrevivência em um mercado cada vez mais concentrado?
  • Como deverá ser a adequação da cadeia de valor da categoria de refrigerantes com a obrigatoriedade da Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS)?
  • Quais são os principais desafios da indústria para atrair os consumidores emergentes das regiões Norte e Nordeste?

What's included

What's included

Table of contents

Table of contents

  1. Introdução

      • Estrutura do estudo
        • Definição e abrangência do mercado
          • Metodologia do Estudo
          • Resumo Executivo

            • O Mercado
              • Figura 1: Tamanho do Mercado de Refrigerantes– volume e valor, 2010
            • Market share
              • Figura 2: Participação de mercado da companhia (%), 2010-11
            • O Futuro
              • Temas Impactantes
                • O mercado brasileiro maduro de refrigerantes busca soluções para um ambiente desafiador
                  • Figura 3: Frequência de consumo de bebidas não alcoólicas, por categoria, agosto 2011
                • A concorrência entre as marcas nacionais e regionais se intensifica
                  • Figura 4: Participação de Mercado da Companhia por volume, 2010-11
                • A Política Nacional de Resíduos Sólidos: implicações para a Indústria de Refrigerantes
                  • Figura 5: Lançamentos de refrigerantes com posicionamento de embalagem ecológicas, 2008-11*
                • A atenção continua voltada para o Norte e o Nordeste
                  • Figura 6: Classe econômica por região, 2010
              • O Mercado Brasileiro Maduro De Refrigerantes Busca Soluções Para Um Ambiente Desafiador

                • Questões analisadas
                  • O aumento nos custos ameaça o crescimento do mercado
                    • Figura 7: Atitudes do consumidor em relação aos preços dos refrigerantes, por classe econômica, agosto 2011
                      • Figura 7: Atitudes do consumidor em relação aos preços dos refrigerantes, por classe econômica, agosto 2011
                    • Aumenta a pressão da concorrência na categoria de bebidas não alcoólicas
                      • Figura 8: Frequência de consumo de bebidas não alcoólicas, por categoria, agosto 2011
                    • Problemas com a saúde começam a influenciar o comportamento
                      • Figura 9: Atitudes em relação aos refrigerantes, agosto 2011
                        • Figura 9: Atitudes em relação aos refrigerantes, agosto 2011
                      • Os lançamentos de novos sabores podem promover o aumento do consumo
                        • Figura 10: Consumo de variedades de sabor, por classe econômica, agosto 2011
                      • Figura 11: Consumidores que gostam de provar novos sabores e variedades de refrigerantes por classe econômica, agosto 2011
                        • Figura 11: Consumidores que gostam de provar novos sabores e variedades de refrigerantes por classe econômica, agosto 2011
                      • Figura 12: Atitudes para refrigerantes, agosto 2011
                        • Figura 12: Atitudes para refrigerantes, agosto 2011
                      • Figura 13: Novos lançamentos de refrigerantes no Brasil por grupo de apelo, 2008-11
                        • Figura 13: Novos lançamentos de refrigerantes no Brasil por grupo de apelo, 2008-11
                      • A saudabilidade leva a uma redução do consumo esperado
                        • Figura 14: Porcentagem em atitudes do consumidor em relação ao consumo de refrigerantes regulares comparado ao ano anterior, por faixa etária, agosto 2011
                      • Figura 15: Porcentagem em atitudes do consumidor em relação ao consumo de refrigerantes regulares comparado ao ano anterior, por faixa etária, agosto 2011
                        • Figura 15: Porcentagem em atitudes do consumidor em relação ao consumo de refrigerantes regulares comparado ao ano anterior, por faixa etária, agosto 2011
                      • As barreiras de custo para os consumidores C2, D e E estão sendo trabalhadas
                        • Figura 16: Frequência de consumo de refrigerantes, por classe social, agosto 2011
                      • Figura 17: Consumidores que concordam que os refrigerantes têm um bom preço comparado a outras bebidas não alcoólicas, por renda, agosto 2011
                        • Figura 17: Consumidores que concordam que os refrigerantes têm um bom preço comparado a outras bebidas não alcoólicas, por renda, agosto 2011
                      • Figura 18: Atitudes em relação ao preço, por classe social, agosto 2011
                        • Figura 18: Atitudes em relação ao preço, por classe social, agosto 2011
                      • O comprometimento com a marca requer um planejamento em longo prazo
                        • As embalagens retornáveis estão de volta à mesa dos brasileiros
                          • Figura 19: Participação de mercado da companhia por volume, 2010-11
                            • Figura 19: Participação de mercado da companhia por volume, 2010-11
                          • O futuro do mercado apresenta sinais preocupantes
                            • Figura 20: Hábitos de consumo nos últimos 12 meses, por tipo, agosto 2011
                          • Figura 21: Eu estou bebendo menos refrigerante porque eu quero beber produtos mais saudáveis, por região, por gênero, por idade, agosto 2011
                            • Figura 21: Eu estou bebendo menos refrigerante porque eu quero beber produtos mais saudáveis, por região, por gênero, por idade, agosto 2011
                          • O que isto significa?
                          • A Concorrência Entre as Marcas Nacionais e Regionais se Intensifica

                            • Questões analisadas
                              • Quatro empresas dominam o mercado
                                • Figura 22: Participação de mercado da companhia por volume em porcentagem , 2010-11
                              • As marcas regionais buscam consolidar a sua presença
                                • A marca Ice Cola estabelece um benchmark a ser seguido pelas marcas regionais
                                  • Figura 23: Sabores de refrigerantes que os consumidores compram, por sabor, agosto 2011
                                    • Figura 23: Sabores de refrigerantes que os consumidores compram, por sabor, agosto 2011
                                  • A entrada de players internacionais acirra ainda mais a disputa na categoria
                                    • O foco na coca-cola domina o mercado
                                      • Figura 24: Participação de mercado da companhia por volume, 2010-11
                                    • Figura 25: Lançamentos de refrigerantes, em porcentagem por empresa, 2008-11*
                                      • Figura 25: Lançamentos de refrigerantes, em porcentagem por empresa, 2008-11*
                                      • Figura 26: Tipos de lançamentos da Cola-Cola, em porcentagem 2008-10*
                                    • O que isto significa?
                                    • A Política Nacional de Resíduos Sólidos: Implicações para a Indústria de Refrigerantes

                                      • Questões analisadas
                                        • A reciclagem e a “logística reversa” são essenciais para uma maior fidelização e vendas de refrigerantes
                                          • Figura 27: Ktons de Pet reciclado e porcentagem do total consumido, em porcentagem , 2006-10
                                            • Figura 27: Ktons de Pet reciclado e porcentagem do total consumido, em porcentagem , 2006-10
                                            • Figura 28: Segmentação do mercado PET, % 2005-08
                                          • Figura 29: Lançamentos de refrigerantes no Brasil, por tipo de embalagem, 2009-10
                                            • Figura 29: Lançamentos de refrigerantes no Brasil, por tipo de embalagem, 2009-10
                                          • Figura 30: Segmentação do mercado Pet , em porcentagem 2005-08
                                            • Figura 30: Segmentação do mercado Pet , em porcentagem 2005-08
                                          • As grandes marcas irão liderar o caminho
                                            • Pet recicladas tornam-se um campo de batalha no Brasil
                                              • Figura 31: Formas de utilização dos Pet reciclados que apresentarão um maior crescimento em porcentagem
                                                • Figura 31: Formas de utilização dos Pet reciclados que apresentarão um maior crescimento em porcentagem
                                              • Garrafas ecológicas: buscando alternativas para a embalagem Pet
                                                • Figura 32: Lançamentos de refrigerantes com posicionamento de embalagem biodegradável em porcentagem , 2008-11*
                                                  • Figura 32: Lançamentos de refrigerantes com posicionamento de embalagem biodegradável em porcentagem , 2008-11*
                                                • A “tendência nostálgica” trás de volta as garrafas de vidro ao mercado de refrigerantes
                                                  • Problemas ambientais ganham um significado mais amplo
                                                    • Figura 33: Lançamentos de refrigerantes com posicionamento de embalagem biodegradável por empresa em porcentagem 2008-11
                                                  • O que isto significa?
                                                  • A Atenção Continua Voltada Para O Norte E O Nordeste

                                                    • Questões analisadas
                                                      • Aumento do salário mínimo acentua potencial regional
                                                        • Figura 34: Consumo de refrigerantes, por região, em porcentagem, agosto 2011
                                                      • Figura 35: Média do salário mensal por pessoa acima de 10 anos, por região, 2009
                                                        • Figura 35: Média do salário mensal por pessoa acima de 10 anos, por região, 2009
                                                        • Figura 36: Consumo de refrigerantes por classe econômica, porcentagem , agosto 2011
                                                      • Figura 37: Classe econômica por região, em porcentagem 2010
                                                        • Figura 37: Classe econômica por região, em porcentagem 2010
                                                        • Figura 38: Atitudes do consumidor em relação ao preço dos refrigerantes, agosto 2011
                                                      • Outros fatores contribuem para o crescimento
                                                        • Figura 39: Frequência de consumo de refrigerantes e água, por região, agosto 2011
                                                      • Figura 40: Local de compra de refrigerantes, por região, agosto 2011
                                                        • Figura 40: Local de compra de refrigerantes, por região, agosto 2011
                                                      • As grandes companhias buscam explorar o potencial regional
                                                        • O que isto significa?
                                                        • Apêndice – O Consumidor

                                                            • Figura 41: Frequência de consumo de refrigerantes, por categoria, agosto 2011
                                                            • Figura 42: Frequência de consumo de refrigerantes, agosto 2011
                                                          • Figura 43: Frequência de consumo de refrigerantes, por sexo e faixa etária, agosto 2011
                                                            • Figura 43: Frequência de consumo de refrigerantes, por sexo e faixa etária, agosto 2011
                                                            • Figura 44: Frequência de consumo de refrigerantes, por classe econômica do domicílio, agosto 2011
                                                          • Figura 45: Frequência de consumo de refrigerantes, por grau de escolaridade, agosto 2011
                                                            • Figura 45: Frequência de consumo de refrigerantes, por grau de escolaridade, agosto 2011
                                                          • Figura 46: Consumo de refrigerantes, por tipo, agosto 2011
                                                            • Figura 46: Consumo de refrigerantes, por tipo, agosto 2011
                                                            • Figura 47: Consumo de refrigerantes, por região, agosto 2011
                                                          • Figura 48: Consumo de refrigerantes, por sexo e faixa etária, agosto 2011
                                                            • Figura 48: Consumo de refrigerantes, por sexo e faixa etária, agosto 2011
                                                            • Figura 49: Consumo de refrigerantes, por classe econômica do domicílio, agosto 2011
                                                          • Figura 50: Consumo de refrigerantes, por grau de escolaridade, agosto 2011
                                                            • Figura 50: Consumo de refrigerantes, por grau de escolaridade, agosto 2011
                                                            • Figura 51: Compra de refrigerante, por região, agosto 2011
                                                          • Figura 52: Compra de refrigerante, por sexo e faixa etária, agosto 2011
                                                            • Figura 52: Compra de refrigerante, por sexo e faixa etária, agosto 2011
                                                            • Figura 53: Compra de refrigerante, por classe econômica do domicílio, agosto 2011
                                                          • Figura 54: Compra de refrigerante, por grau de escolaridade, agosto 2011
                                                            • Figura 54: Compra de refrigerante, por grau de escolaridade, agosto 2011
                                                          • Figura 55: Sabores de refrigerantes, por região, agosto 2011
                                                            • Figura 55: Sabores de refrigerantes, por região, agosto 2011
                                                            • Figura 56: Sabores de refrigerantes, por sexo e faixa etária, agosto 2011
                                                          • Figura 57: Sabores de refrigerantes, por classe econômica do domicílio, agosto 2011
                                                            • Figura 57: Sabores de refrigerantes, por classe econômica do domicílio, agosto 2011
                                                          • Figura 58: Sabores de refrigerantes, por grau de escolaridade, agosto 2011
                                                            • Figura 58: Sabores de refrigerantes, por grau de escolaridade, agosto 2011
                                                            • Figura 59: Resposta aberta – outros sabores, agosto 2011
                                                          • Figura 60: Local de compra de refrigerantes, por região, agosto 2011
                                                            • Figura 60: Local de compra de refrigerantes, por região, agosto 2011
                                                            • Figura 61: Local de compra de refrigerantes por sexo e faixa etária, agosto 2011
                                                          • Figura 62: Local de compra de refrigerantes, por classe econômica do domicílio, agosto 2011
                                                            • Figura 62: Local de compra de refrigerantes, por classe econômica do domicílio, agosto 2011
                                                            • Figure 63: Local de compra de refrigerantes, por grau de escolaridade, agosto 2011
                                                          • Figura 64: Local de compra, por tipo de bebida, agosto 2011
                                                            • Figura 64: Local de compra, por tipo de bebida, agosto 2011
                                                          • Figura 65: Atitudes em relação aos refrigerantes, por região, agosto 2011
                                                            • Figura 65: Atitudes em relação aos refrigerantes, por região, agosto 2011
                                                            • Figure 66: Atitudes em relação aos refrigerantes, por sexo e faixa etária, agosto 2011
                                                            • Figure 67: Atitudes em relação aos refrigerantes, por classe econômica do domicílio, agosto 2011
                                                          • Figura 68: Atitudes em relação aos refrigerantes, por grau de escolaridade, agosto 2011
                                                            • Figura 68: Atitudes em relação aos refrigerantes, por grau de escolaridade, agosto 2011
                                                        • Apêndice – Dados Do GNPD

                                                            • Figura 69: Lançamentos de refrigerantes, por posicionamento, em porcentagem, (%) 2008-11*
                                                            • Figura 70: Lançamentos de refrigerantes, por marca e de marca própria, em porcentagem, (%) 2008-11*
                                                          • Figura 71: Lançamentos de refrigerantes, por empresa, em porcentagem, (%) 2008-11*
                                                            • Figura 71: Lançamentos de refrigerantes, por empresa, em porcentagem, (%) 2008-11*
                                                            • Figura 72: Lançamentos de refrigerantes, por empresa, em porcentagem, (%) 2008-11*
                                                          • Figura 73: Lançamentos de refrigerantes, por sabor, em porcentagem, (%) 2008-11*
                                                            • Figura 73: Lançamentos de refrigerantes, por sabor, em porcentagem, (%) 2008-11*
                                                            • Figura 74: Lançamentos de refrigerantes, por tamanho da embalagem, em porcentagem, (%) 2008-11*
                                                          • Figura 75: Lançamentos com embalagem ecológica, por subcategoria de bebidas não alcoólicas, em porcentagem, 2008-11*
                                                            • Figura 75: Lançamentos com embalagem ecológica, por subcategoria de bebidas não alcoólicas, em porcentagem, 2008-11*
                                                            • Figura 76: Posicionamentos de bebidas não alcoólicas, em porcentagem, (%), 2008-11*
                                                          • Figura 77: Lançamentos de refrigerantes com posicionamento de embalagem biodegradável por empresa, em porcentagem, 2008-11*
                                                            • Figura 77: Lançamentos de refrigerantes com posicionamento de embalagem biodegradável por empresa, em porcentagem, 2008-11*
                                                            • Figura 78: Lançamentos de refrigerantes, por material de embalagem, em porcentagem, 2008-11*
                                                          • Figura 79: Lançamentos de refrigerantes de baixa caloria, sem açúcar, por empresa, em porcentagem, 2008-11*
                                                            • Figura 79: Lançamentos de refrigerantes de baixa caloria, sem açúcar, por empresa, em porcentagem, 2008-11*
                                                            • Figura 80: Lançamentos de refrigerantes de baixa caloria, sem açúcar, por sabor, em porcentagem. 2011
                                                          • Figura 81: Lançamentos de Coca-Cola, por tipo de lançamento, 2008-11
                                                            • Figura 81: Lançamentos de Coca-Cola, por tipo de lançamento, 2008-11
                                                        • Apêndice – Companhias e Marcas

                                                          About the report

                                                          This report will give you a complete 360-degree view of your market. Not only is it rooted in robust proprietary and high-quality third-party data, but our industry experts put that data into context and you’ll quickly understand:

                                                          • The Consumer

                                                            What They Want. Why They Want It.

                                                          • The Competitors

                                                            Who’s Winning. How To Stay Ahead.

                                                          • The Market

                                                            Size, Segments, Shares And Forecasts: How It All Adds Up.

                                                          • The Innovations

                                                            New Ideas. New Products. New Potential.

                                                          • The Opportunities

                                                            Where The White Space Is. How To Make It Yours.

                                                          • The Trends

                                                            What’s Shaping Demand – Today And Tomorrow.

                                                          Please Note: This is a sample report. All of the figures, graphs, and tables have been redacted.

                                                          Trusted by companies. Big and small.

                                                          • bell
                                                          • boots
                                                          • google
                                                          • samsung
                                                          • allianz
                                                          • kelloggs
                                                          • walgreens
                                                          • redbull
                                                          • unilever
                                                          • Harvard
                                                          • pinterest
                                                          • new-york-time