Sorry for interrupting, this website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Learn more
Accept and close

Description

Description

“Enquanto três em quatro brasileiros tomam sopa, o hábito de consumi-la é pouco frequente. Cerca de um quarto dos consumidores tomam sopas 'menos de uma vez por mês'. A sopa caseira é a mais popular: mais de um quinto dos brasileiros a consomem 'uma ou duas vezes por semana'. Dentre as processadas, o destaque está para as desidratadas, onde há melhores oportunidades de inserção da categoria.

A comida sólida ainda é prioridade na alimentação dos brasileiros, principalmente arroz, feijão, carnes e vegetais, normalmente preparados em casa. Normalmente, a sopa tende a não ser considerada uma opção tão satisfatória como uma refeição normal.

Explorar a saciedade e atributos das refeições caseiras nos produtos pode ser uma forma de tornar a categoria mais atrativa aos consumidores. Jovens e consumidores que moram sozinhos mostram-se mais abertos à conveniência das variações processadas.”

– Jean Manuel Gonçalves da Silva, Analista Sênior de Alimentos

Neste relatório abordaremos as seguintes questões:

  • Quais os fatores que influenciam a baixa frequência do consumo de sopas no Brasil?
  • Quais elementos associados às refeições e às sopas caseiras podem ser replicados pela categoria de sopas processadas?
  • Como atingir os jovens e consumidores que moram sozinhos, uma vez que esses são mais abertos às sopas processadas?
  • Como trabalhar a saudabilidade na categoria de sopas de forma a torná-la mais atrativa aos consumidores locais?

What's included

What's included

Table of contents

Table of contents

  1. Introdução

      • Definições
        • Abreviações
        • Resumo Executivo

            • O Mercado
              • Figura 1: Valor e volume de vendas de sopas (desidratadas) no Brasil, no varejo, 2008-12
            • Previsão
              • Figura 2: Volume de vendas de sopas (desidratadas) no Brasil e previsão, varejo, 2008-18
              • Figura 3: Valor de vendas de sopas (desidratadas) no Brasil, e previsão, no varejo, 2008-18
            • Empresas
              • Figura 4: Participação das empresas no volume de vendas, no varejo, 2012
            • Tópicos do Relatório
              • Sopa é item raro nas compras dos brasileiros
                • Figura 5: Consumo alimentar médio per capita dos brasileiros, por alimentos selecionados, 2008-09
              • Explorar atributos das refeições e sopas caseiras pode aumentar o consumo de sopas processadas
                • Figura 6: consumo de sopas, novembro 2012
              • Conveniência é principal atrativo para jovens e consumidores que moram sozinhos
                • Figura 7: Consumo de sopas, por idade, por tipos de sopas selecionados, novembro 2012
              • Categoria deve ir além da saudabilidade, saciedade também é importante
                • Figura 8: Concordância com a afirmação, “Eu tomo sopa porque é saudável”, por tipo de sopa consumida, por tipo de sopa, novembro 2012
              • O que pensamos
              • Sopa é Item Raro nas Compras dos Brasileiros

                • Tópicos centrais
                  • Frequência no consumo de sopas é baixo
                    • Figura 9: Frequência no consumo de sopa, novembro 2012
                    • Figura 10: Consumo de sopas, pela idade, novembro 2012
                  • Sopa é item raro nas compras do brasileiro
                    • Figura 11: Consumo alimentar diário, média per capita dos brasileiros, por alimentos selecionados, 2008-09
                    • Figura 12: Concordância com a afirmação, “eu espero que sopas me satisfaçam como uma refeição normal”, novembro 2012
                  • Figura 13: Concordância com a afirmação “as sopas são uma alternativa cara de refeição”, novembro 2012
                    • Figura 13: Concordância com a afirmação “as sopas são uma alternativa cara de refeição”, novembro 2012
                  • Figura 14: Consumo de sopa, por tipo de sopa, novembro 2012
                    • Figura 14: Consumo de sopa, por tipo de sopa, novembro 2012
                  • Sazonalidade restringe o consumo de sopas pelos brasileiros
                    • Figura 15: Atitudes ao consumir sopa, “eu tendo a tomar mais sopa no inverno”, novembro 2012
                    • Figura 16: Concordância com a atitude “eu tendo a tomar mais sopas no inverno”, por região, novembro 2012
                  • Estímulo ao consumo fora de casa pode aumentar frequência de consumo de sopas
                    • Figura 17: Ocasiões em que consome sopa, novembro 2012
                  • O que isso significa
                  • Explorar Atributos Das Refeições E Sopas Caseiras Pode Aumentar O Consumo De Sopas Processadas

                    • Tópicos centrais
                      • Brasileiros consomem sopas feitas em casa
                        • Figura 18: Consumo de sopa, por tipo, novembro 2012
                        • Figura 19: Hábitos de comer, novembro 2012
                      • Figura 20: Hábitos de comer, novembro 2012
                        • Figura 20: Hábitos de comer, novembro 2012
                      • Figura 21: Ocasiões em que consome sopa, em casa, novembro 2012
                        • Figura 21: Ocasiões em que consome sopa, em casa, novembro 2012
                      • Sopas desidratadas são as mais consumidas entre as opções processadas
                        • Figura 22: Consumo de sopa, por tipo, menos de uma vez ao mês, novembro 2012
                      • Figura 23: Presença de bens no total de domicílios, 2011
                        • Figura 23: Presença de bens no total de domicílios, 2011
                      • Atributos das refeições caseiras podem tornar as sopas processadas mais atrativas
                        • Figura 24: Atitudes ao comprar sopa, novembro 2012
                      • Custo-benefício da categoria pode estimular o consumo dos grupos menos favorecidos
                        • Figura 25: Consumo de sopa, por grupo socioeconômico, novembro 2012
                      • Figura 26: Consumo de sopa, por tipo de sopa, por grupo socioeconômico, novembro 2012
                        • Figura 26: Consumo de sopa, por tipo de sopa, por grupo socioeconômico, novembro 2012
                      • Figura 27: Lançamentos de sopas desidratadas em mercados selecionados, por peso total, 2009-12
                        • Figura 27: Lançamentos de sopas desidratadas em mercados selecionados, por peso total, 2009-12
                      • O que isso significa
                      • Conveniência É o Principal Atrativo Para Jovens e Consumidores Que Moram Sozinhos

                        • Tópicos centrais
                          • Consumidores jovens consomem mais sopas processadas (desidratadas)
                            • Figura 28: Consumo de sopa, por idade e por tipos de sopas selecionados, novembro 2012
                            • Figura 29: Consumo de refeições prontas, por idade, novembro 2012
                          • No mercado há oportunidade para porções individuais
                            • Figura 30: Concordância com a afirmação, “Eu normalmente compro sopas em porções individuais”, por idade, novembro 2012
                            • Figura 31: Distribuição dos domicílios permanentes por número de moradores, Brasil, 2000, 2010
                          • Conveniência e saciedade podem tornar as sopas individuais mais atrativas
                            • Figura 32: Concordância com a afirmação “eu compro refeições preparadas porque eu não tenho tempo para preparar comida caseira”, pela idade, novembro 2012
                          • Figura 33: Concordância com a afirmação “Tento me manter em forma fazendo exercícios e/ou praticando esportes”, por idade dos consumidores, Junho 2012
                            • Figura 33: Concordância com a afirmação “Tento me manter em forma fazendo exercícios e/ou praticando esportes”, por idade dos consumidores, Junho 2012
                          • O que isso significa
                          • Categoria Deve Ir Além Da Saudabilidade, Saciedade Também É Importante

                            • Tópicos centrais
                              • Saúde é aspecto valorizado pelos consumidores de sopas
                                • Figura 34: Atitudes ao consumir sopa, novembro 2012
                                • Figura 35: Concordância com a afirmação, “eu tomo sopa porque é saudável”, por gênero e idade, novembro 2012
                              • Figura 36: Concordância com a afirmação, “eu tomo sopa porque é saudável”, pela região, novembro 2012
                                • Figura 36: Concordância com a afirmação, “eu tomo sopa porque é saudável”, pela região, novembro 2012
                              • Figura 37: Concordância com a afirmação, “eu tomo sopa porque é saudável, por tipo de sopa, novembro 2012
                                • Figura 37: Concordância com a afirmação, “eu tomo sopa porque é saudável, por tipo de sopa, novembro 2012
                              • Mercado brasileiro tem pouca oferta de sopas saudáveis
                                • Figura 38: Dez principais posicionamentos nos novos lançamentos de sopas no Brasil, 2012
                                • Figura 39: Dez principais posicionamentos nos lançamentos de sopas nos EUA, 2012
                              • Figura 40: Dez principais posicionamentos nos lançamentos de sopas no Reino Unido, 2012
                                • Figura 40: Dez principais posicionamentos nos lançamentos de sopas no Reino Unido, 2012
                              • Produtos saudáveis também devem ser saciáveis
                                • O que isso significa
                                • Apêndice – O Mercado

                                    • Figura 41: Valor e volume de vendas de sopas (desidratadas), no Brasil, no varejo, 2008-18
                                    • Figura 42: Valor de vendas de sopas (desidratadas) no Brasil, no varejo, melhor e pior cenários e previsão Mintel, 2003-18
                                    • Figura 43: Volume de vendas de sopas (desidratadas) no Brasil, no varejo, melhor e pior cenários e previsão Mintel, 2013-18
                                    • Figura 44: Participação das empresas no volume e valor de vendas no varejo, 2012
                                • Apêndice – Pesquisa do Consumidor

                                  • Frequência no consumo de sopas
                                    • Figura 45: Frequência no consumo de sopa, novembro 2012
                                    • Figura 46: Frequência no consumo de qualquer sopa, pela demografia, novembro 2012
                                  • Figura 47: Frequência no consumo de sopa em lata, pela demografia, novembro 2012
                                    • Figura 47: Frequência no consumo de sopa em lata, pela demografia, novembro 2012
                                    • Figura 48: Frequência no consumo de sopa desidratada/envelope, pela demografia, novembro 2012
                                  • Figura 49: Frequência no consumo de sopa congelada, pela demografia, novembro 2012
                                    • Figura 49: Frequência no consumo de sopa congelada, pela demografia, novembro 2012
                                    • Figura 50: Frequência no consumo de sopa refrigerada, pela demografia, novembro 2012
                                  • Figura 51: Frequência no consumo de sopa caseira, pela demografia, novembro 2012
                                    • Figura 51: Frequência no consumo de sopa caseira, pela demografia, novembro 2012
                                  • Lugares onde consome sopa
                                    • Figura 52: Lugares onde consome sopa, novembro 2012
                                    • Figura 53: Lugares onde consome sopa, pela demografia, novembro 2012
                                  • Figura 54: Lugares onde consome sopa, “No trabalho” ou “Não toma no trabalho”, pela demografia, novembro 2012
                                    • Figura 54: Lugares onde consome sopa, “No trabalho” ou “Não toma no trabalho”, pela demografia, novembro 2012
                                    • Figura 55: Lugares onde consome sopa, “Não toma na escola/faculdade”, pela demografia, novembro 2012
                                  • Figura 56: Lugares onde consome sopa, pela frequência no consumo de sopa, novembro 2012
                                    • Figura 56: Lugares onde consome sopa, pela frequência no consumo de sopa, novembro 2012
                                    • Figura 57: Lugares onde consome sopa em lata, pela frequência no consumo de sopa, novembro 2012
                                  • Figura 58: Lugares onde consome sopa desidratada/envelope, pela frequência no consumo de sopa, novembro 2012
                                    • Figura 58: Lugares onde consome sopa desidratada/envelope, pela frequência no consumo de sopa, novembro 2012
                                    • Figura 59: Lugares onde consome sopa congelada, pela frequência no consumo de sopa, novembro 2012
                                  • Figura 60: Lugares onde consome sopa refrigerada, pela frequência no consumo de sopa, novembro 2012
                                    • Figura 60: Lugares onde consome sopa refrigerada, pela frequência no consumo de sopa, novembro 2012
                                    • Figura 61: Lugares onde consome sopa caseira, pela frequência no consumo de sopa, novembro 2012
                                  • Atitudes ao comprar sopa
                                    • Figura 62: Atitudes ao comprar sopa, novembro 2012
                                    • Figura 63: Atitudes ao comprar sopa, pela demografia, novembro 2012
                                  • Figura 64: Atitudes ao comprar sopa, pela demografia, novembro 2012 (cont.)
                                    • Figura 64: Atitudes ao comprar sopa, pela demografia, novembro 2012 (cont.)
                                    • Figura 65: Atitudes ao comprar sopa, pela frequência no consumo de qualquer sopa, novembro 2012
                                  • Figura 66: Atitudes ao comprar sopa, pela frequência no consumo de sopa em lata and sopa desidratada/envelope, novembro 2012
                                    • Figura 66: Atitudes ao comprar sopa, pela frequência no consumo de sopa em lata and sopa desidratada/envelope, novembro 2012
                                    • Figura 67: Atitudes ao comprar sopa, pela frequência no consumo de sopa congelada e sopa refrigerada, novembro 2012
                                  • Figura 68: Atitudes ao comprar sopa, pela frequência no consumo de sopa caseira (ou seja, feita em casa), novembro 2012
                                    • Figura 68: Atitudes ao comprar sopa, pela frequência no consumo de sopa caseira (ou seja, feita em casa), novembro 2012
                                    • Figura 69: Atitudes ao comprar sopa para consumir em casa, novembro 2012
                                  • Figura 70: Atitudes ao comprar sopa para consumir no trabalho e para consumir na escola/faculdade, novembro 2012
                                    • Figura 70: Atitudes ao comprar sopa para consumir no trabalho e para consumir na escola/faculdade, novembro 2012
                                  • Atitudes ao consumir sopa
                                    • Figura 71: Atitudes ao consumir sopa, novembro 2012
                                    • Figura 72: Atitudes ao consumir sopa, pela demografia, novembro 2012
                                  • Figura 73: Atitudes ao consumir sopa, pela frequência no consumo de qualquer sopa, novembro 2012
                                    • Figura 73: Atitudes ao consumir sopa, pela frequência no consumo de qualquer sopa, novembro 2012
                                    • Figura 74: Atitudes ao consumir sopa, pela frequência no consumo de sopa em lata e de sopa desidratada/envelope, novembro 2012
                                  • Figura 75: Atitudes ao consumir sopa, pela frequência no consumo de sopa congelada e refrigerada, novembro 2012
                                    • Figura 75: Atitudes ao consumir sopa, pela frequência no consumo de sopa congelada e refrigerada, novembro 2012
                                    • Figura 76: Atitudes ao consumir sopa, pela frequência no consumo de sopa caseira, novembro 2012
                                  • Figura 77: Atitudes ao consumir sopa, por lugares onde consome sopa, novembro 2012
                                    • Figura 77: Atitudes ao consumir sopa, por lugares onde consome sopa, novembro 2012
                                • Apêndice – Dados Do GNPD

                                    • Figura 78: Lançamentos de sopas no Brasil por segmento, 2008-12
                                    • Figura 79: Participação das dez principais empresas nos lançamentos de sopas no Brasil, 2008-12
                                    • Figura 80: Lançamentos de sopas no Brasil, por principais posicionamentos, 2008-12
                                    • Figura 81: Lançamentos de sopas no Brasil, por tipo de lançamento, 2008-12

                                About the report

                                This report will give you a complete 360-degree view of your market. Not only is it rooted in robust proprietary and high-quality third-party data, but our industry experts put that data into context and you’ll quickly understand:

                                • The Consumer

                                  What They Want. Why They Want It.

                                • The Competitors

                                  Who’s Winning. How To Stay Ahead.

                                • The Market

                                  Size, Segments, Shares And Forecasts: How It All Adds Up.

                                • The Innovations

                                  New Ideas. New Products. New Potential.

                                • The Opportunities

                                  Where The White Space Is. How To Make It Yours.

                                • The Trends

                                  What’s Shaping Demand – Today And Tomorrow.

                                Please Note: This is a sample report. All of the figures, graphs, and tables have been redacted.

                                Trusted by companies. Big and small.

                                • bell
                                • boots
                                • google
                                • samsung
                                • allianz
                                • kelloggs
                                • walgreens
                                • redbull
                                • unilever
                                • Harvard
                                • pinterest
                                • new-york-time