Sorry for interrupting, this website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Learn more
Accept and close

Description

Description

“A atividade de comer fora não é vista somente como um momento de lazer, mas é também uma forma de economizar tempo, pois não é necessário cozinhar, e muitas refeições podem ser feitas “on the go”. Cada vez mais, os brasileiros estão buscando soluções práticas, que otimizem o tempo que têm disponível – porém, quanto mais o consumidor está acostumado com o hábito de comer fora, mais exigente ele é, e por isso a indústria de foodservice precisa estar atenta para atender a essa demanda.”

– Naira Sato, Analista Sênior do Setor de Alimentação

Neste relatório, vamos responder às seguintes questões fundamentais:

  • Como o cenário positivo da economia brasileira impacta nos hábitos de comer fora da população?
  • Como atender a demanda da classe DE por comidas mais práticas e saborosas?
  • O que o setor de foodservice pode aprender com os consumidores de Curitiba?
  • Como são segmentados os perfis dos consumidores brasileiros em relação às tendências em comer fora?

What's included

What's included

Table of contents

Table of contents

  1. Introdução

      • Abreviações
      • Resumo Executivo

          • Tópicos do relatório
            • O aumento da oferta de empregos impacta o hábito de comer fora dos brasileiros
              • Figura 1: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, por gênero, abril 2013
            • Consumidores de classe DE procuram por praticidade e indulgência quando vão comer fora
              • Figura 2: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, por classe social, abril 2013
            • Figura 3: Frequência do consumo fora de casa, por cidade, abril 2013
              • Figura 3: Frequência do consumo fora de casa, por cidade, abril 2013
            • Tendências em comer fora - grupos
              • Figura 4: Segmentação de acordo com as tendências em comer fora, abril 2013
            • O que pensamos
            • O Aumento da Oferta de Empregos Impacta o Hábito de Comer Fora dos Brasileiros

              • Tópicos centrais
                • Mais ofertas de emprego podem impulsionar o mercado de foodservice num futuro próximo
                  • Figure 5: Ocasiões de consumo fora de casa, abril 2013
                  • Figure 6: Situação atual de trabalho, por gênero, abril 2013
                  • Figura 7: Frequência do consumo fora de casa, por gênero, abril 2013
                • Figura 8: Atitudes em relação à comida e cozinha, por gênero, janeiro 2013
                  • Figura 8: Atitudes em relação à comida e cozinha, por gênero, janeiro 2013
                • Rapidez no serviço pode ganhar a lealdade dos consumidores
                  • Figura 9: Atitudes em relação ao consumo fora de casa, por gênero, abril 2013
                • Figura 10: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, por gênero, abril 2013
                  • Figura 10: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, por gênero, abril 2013
                • Entretenimento para crianças pode aumentar a frequência de se comer fora
                  • Figura 11: Frequência do consumo fora de casa, por filhos no domicílio, abril 2013
                • Figura 12: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, por idade dos filhos, abril 2013
                  • Figura 12: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, por idade dos filhos, abril 2013
                • O que isso significa
                • Consumidores de Classe DE Procuram Por Praticidade e Indulgência Quando Vão Comer Fora

                  • Tópicos centrais
                    • Consumidores de classe DE tendem a comer mais fora de casa no café da manhã
                      • Figura 13: Ocasiões de consumo fora de casa, por classe social, abril 2013
                    • Figura 14: Frequência do consumo fora de casa, por classe social, abril 2013
                      • Figura 14: Frequência do consumo fora de casa, por classe social, abril 2013
                    • Preço acessível para levar toda a família para comer fora é um ponto importante para consumidores de classe DE
                      • Figura 15: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, por classe social, abril 2013
                    • Figura 16: Frequência do consumo fora de casa, pelas razões de escolha do local para consumo fora de casa, abril 2013
                      • Figura 16: Frequência do consumo fora de casa, pelas razões de escolha do local para consumo fora de casa, abril 2013
                    • Fast food pode atender a necessidade de consumidores de classe DE por comidas indulgentes
                      • Figura 17: Atitudes em relação ao consumo fora de casa, por classe social, abril 2013
                    • Figura 18: Atitudes em relação a hábitos de vida saudável, por classe social, junho 2012
                      • Figura 18: Atitudes em relação a hábitos de vida saudável, por classe social, junho 2012
                    • O que isso significa
                    • Com o Hábito de Comer Fora Desenvolvido, Curitiba Representa Um Bom Mercado Teste para Empresas de Foodservice

                      • Tópicos centrais
                        • Curitibanos são os que mais têm desenvolvido o hábito de comer fora
                          • Figura 19: Frequência do consumo fora de casa, por cidade, abril 2013
                        • Figura 20: Atitudes em relação à comida e cozinha, por cidade, janeiro 2013
                          • Figura 20: Atitudes em relação à comida e cozinha, por cidade, janeiro 2013
                        • Posicionar a hora da refeição para ser um momento de lazer entre amigos e família pode atrair mais consumidores para comer fora
                          • Figura 21: Ocasiões de consumo fora de casa, por cidade, abril 2013
                        • A popularidade de restaurantes étnicos e premium em Curitiba sugere que há espaço para expandir
                          • Figura 22: Atitudes em relação ao consumo fora de casa, por cidade, abril 2013
                        • Figura 23: Frequência do consumo fora de casa, por cidade, abril 2013
                          • Figura 23: Frequência do consumo fora de casa, por cidade, abril 2013
                        • O que isso significa
                        • Tendências em Comer Fora – Grupos

                          • Tópicos centrais
                            • Os Quatro Grupos
                              • Figura 24: Segmentação de acordo com as tendências em comer fora, abril 2013
                            • Influenciados (38%)
                              • Figura 25: Concordância com as atitudes em relação a comer fora, pelo grupo “influenciados”, abril 2013
                            • Saudável, mas com qualidade (25%)
                              • Figura 26: Concordância com as atitudes em relação a comer fora, pelo grupo “saudável, mas com qualidade”, abril 2013
                            • Mais sabor, menos tempo (23%)
                              • Figura 27: Concordância com as atitudes em relação a comer fora, pelo grupo “mais sabor, menos tempo”, abril 2013
                            • Pouco envolvidos (14%)
                              • Figura 28: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, por grupos, abril 2013
                            • Figura 29: Concordância com as atitudes em relação a comer fora, pelo grupo “pouco envolvidos”, abril 2013
                              • Figura 29: Concordância com as atitudes em relação a comer fora, pelo grupo “pouco envolvidos”, abril 2013
                            • Figura 30: Opiniões sobre os hábitos alimentares, por idade e gênero, janeiro 2013
                              • Figura 30: Opiniões sobre os hábitos alimentares, por idade e gênero, janeiro 2013
                            • O que isso significa
                            • Apêndice – Frequência do Consumo Fora de Casa

                                • Figura 31: Frequência do consumo fora de casa, abril 2013
                                • Figura 32: Frequência do consumo fora de casa, abril 2013 (continuação)
                              • Figura 33: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes de fast food sem garçom, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 33: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes de fast food sem garçom, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 34: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes de fast food sem garçom, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                              • Figura 35: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes de fast food com garçom, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 35: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes de fast food com garçom, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 36: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes de fast food com garçom, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                              • Figura 37: Frequência do consumo fora de casa – Padarias, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 37: Frequência do consumo fora de casa – Padarias, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 38: Frequência do consumo fora de casa – Padarias, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                              • Figura 39: Frequência do consumo fora de casa – Pizzarias, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 39: Frequência do consumo fora de casa – Pizzarias, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 40: Frequência do consumo fora de casa – Pizzarias, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                              • Figura 41: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes de comida japonesa/chinesa, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 41: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes de comida japonesa/chinesa, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 42: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes de comida japonesa/chinesa, pela demografia, abril 2013, continuação
                              • Figura 43: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes americanos, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 43: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes americanos, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 44: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes americanos, pela demografia, abril 2013, continuação
                              • Figura 45: Frequência do consumo fora de casa – Barraquinha de rua, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 45: Frequência do consumo fora de casa – Barraquinha de rua, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 46: Frequência do consumo fora de casa – Barraquinha de rua, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                              • Figura 47: Frequência do consumo fora de casa – Lanchonetes de bairro, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 47: Frequência do consumo fora de casa – Lanchonetes de bairro, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 48: Frequência do consumo fora de casa – Lanchonetes de bairro, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                              • Figura 49: Frequência do consumo fora de casa – Bares/botecos/baladas, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 49: Frequência do consumo fora de casa – Bares/botecos/baladas, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 50: Frequência do consumo fora de casa – Bares/botecos/baladas, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                              • Figura 51: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes gourmet/premium, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 51: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes gourmet/premium, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 52: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes gourmet/premium, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                              • Figura 53: Frequência do consumo fora de casa – Docerias/casas de chá/cafeterias, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 53: Frequência do consumo fora de casa – Docerias/casas de chá/cafeterias, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 54: Frequência do consumo fora de casa – Docerias/casas de chá/cafeterias, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                              • Figura 55: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes por quilo, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 55: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes por quilo, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 56: Frequência do consumo fora de casa – Restaurantes por quilo, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                            • Apêndice – Ocasiões de Consumo Fora de Casa

                                • Figura 57: Ocasiões de consumo fora de casa, abril 2013
                                • Figura 58: Ocasiões de consumo fora de casa, pela demografia, abril 2013
                              • Figura 59: Ocasiões de consumo fora de casa, pela demografia, abril 2013 (continuação) 1
                                • Figura 59: Ocasiões de consumo fora de casa, pela demografia, abril 2013 (continuação) 1
                                • Figura 60: Ocasiões de consumo fora de casa, pela demografia, abril 2013 (continuação) 2
                            • Apêndice – Razões de Escolha do Local Para Consumo Fora de Casa

                                • Figura 61: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, abril 2013
                                • Figura 62: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, pela demografia, abril 2013
                              • Figura 63: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                                • Figura 63: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, pela demografia, abril 2013 (continuação)
                            • Apêndice – Atitudes em Relação ao Consumo Fora de Casa

                                • Figura 64: Atitudes em relação ao consumo fora de casa, abril 2013
                                • Figura 65: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Quando como fora, como o que tenho vontade e não me preocupo se a comida é saudável ou não, pela demografia, abril 2013
                              • Figura 66: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Gostaria que cardápios incluíssem mais opções saudáveis, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 66: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Gostaria que cardápios incluíssem mais opções saudáveis, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 67: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Costumo decidir onde comer de acordo com o tempo que tenho disponível, pela demografia, abril 2013
                              • Figura 68: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Comidas que sejam fáceis de comer enquanto estou caminhando/dirigindo são mais atrativas para mim, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 68: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Comidas que sejam fáceis de comer enquanto estou caminhando/dirigindo são mais atrativas para mim, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 69: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Promoções e/ou cupons de desconto são importantes quando vou escolher um lugar para comer fora, pela demografia, abril 2013
                              • Figura 70: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Informações que vejo em revistas, TV, internet influenciam a minha escolha de lugar para comer fora, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 70: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Informações que vejo em revistas, TV, internet influenciam a minha escolha de lugar para comer fora, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 71: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Indicações de amigos e familiares são importantes na escolha de um lugar para comer fora, pela demografia, abril 2013
                              • Figura 72: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Qualidade é mais importante que preço quando escolho um lugar para comer fora, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 72: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Qualidade é mais importante que preço quando escolho um lugar para comer fora, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 73: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Normalmente vou aos mesmos lugares quando como fora, pela demografia, abril 2013
                              • Figura 74: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Restaurantes novos me atraem, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 74: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – Restaurantes novos me atraem, pela demografia, abril 2013
                                • Figura 75: Atitudes em relação ao consumo fora de casa – O sabor da comida é mais importante do que o lugar quando como fora, pela demografia, abril 2013
                            • Apêndice – Análise de Grupos

                                • Figura 76: Grupos, abril 2013
                                • Figura 77: Grupos, pela demografia, abril 2013
                              • Figura 78: Frequência do consumo fora de casa, por grupos, abril 2013
                                • Figura 78: Frequência do consumo fora de casa, por grupos, abril 2013
                                • Figura 79: Ocasiões de consumo fora de casa, por grupos, abril 2013
                              • Figura 80: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, por grupos, abril 2013
                                • Figura 80: Razões de escolha do local para consumo fora de casa, por grupos, abril 2013
                                • Figura 81: Concordância com as atitudes em relação a comer fora, por grupos, abril 2013

                            About the report

                            This report will give you a complete 360-degree view of your market. Not only is it rooted in robust proprietary and high-quality third-party data, but our industry experts put that data into context and you’ll quickly understand:

                            • The Consumer

                              What They Want. Why They Want It.

                            • The Competitors

                              Who’s Winning. How To Stay Ahead.

                            • The Market

                              Size, Segments, Shares And Forecasts: How It All Adds Up.

                            • The Innovations

                              New Ideas. New Products. New Potential.

                            • The Opportunities

                              Where The White Space Is. How To Make It Yours.

                            • The Trends

                              What’s Shaping Demand – Today And Tomorrow.

                            Please Note: This is a sample report. All of the figures, graphs, and tables have been redacted.

                            Trusted by companies. Big and small.

                            • bell
                            • boots
                            • google
                            • samsung
                            • allianz
                            • kelloggs
                            • walgreens
                            • redbull
                            • unilever
                            • Harvard
                            • pinterest
                            • new-york-time